VONTADE DE AMOR COMO MEMÓRIA VIVA DE JESUS NA ESPIRITUALIDADE GERALDINA

0 Comentários

Vou para fazer-me santo”. Foi a explicação que Geraldo deixou para sua mãe pouco antes de fugir com os missionários redentoristas que acabara de pregar uma missão em sua cidade, Muro Luccano. Com efeito, desde que ingressou no instituto recém-fundado pelo padre Afonso de Ligório, a fama de santidade de Geraldo se espalhava, principalmente junto às gentes mais simples, que o via como um grande milagreiro. Hoje são Geraldo é cultuado em todo o mundo principalmente por causa do seu “poder” de operar milagres e é conhecido principalmente por inúmeras historias que servem mais para distorcer o real sentido da santidade para Geraldo Majela.

A santidade de Geraldo parte do sentido bíblico isto é, primeiro ele reconhece que acima de tudo a santidade se refere ao absoluto do Ser de Deus, que mesmo acima de toda criatura (Ex 15, 11) convida todos os homens e mulheres a participarem dela (Ez 20, 12). Por isso Geraldo contempla o Ser Deus e diante disso toda sua pequenez e fragilidade ficam evidentes, surge então a profunda angustia de não-ser. Mas movido pela força do Espírito Santo, fonte de santidade, Geraldo deseja e anseia amar e unir-se à vontade Deus, chegando assim a participar da santidade de Deus, por isso não cansa de dizer: “o centro do verdadeiro amor a Deus consiste em ser tudo entregue a Deus, e sempre em tudo conformado a seu divino dispor, e nisso firmar-se por toda a eternidade”.

Estar conformado à vontade de Deus não diz respeito a um conformismo passivo, antes exige uma atitude ativa de dia após dia ir mergulhando na contemplação do ser de Deus, que para Geraldo é uma vontade de amor, que comunica a vida. Geraldo não vê a santidade como um sonho a ser realizado, ou um capricho egoísta: “Oh quanto importa fazer-me santo! Oh quanto importa não fazer-me santo! Não te ponhas a fazer sugestões de ti mesmo, e de todo o mundo”. Geraldo sabe que ele próprio não serve de parâmetro para santidade, por isso coloca-se na escola de Jesus, o Mestre. No discipulado de Jesus, Geraldo vai deixando-se batizar interiormente pelo Espírito do Ressuscitado.

É uma comunicação transformante à qual tem sua máxima expressão da parte de Cristo em vir a nós com a comunhão eucarística. Para Geraldo comungar é se tornar viva memória de Cristo crucificado e libertador. Ser viva memória de Cristo não exclui o humano, mas deixa morrer o não-ser (desumano) e se conforma ao Ser de Jesus Cristo (totalmente humano e divino), por isso ser santo não destrói, nem anula uma personalidade, mas a aperfeiçoa à imagem e semelhança de Deus.

Esse sentido de ser santo para Geraldo não é novidade, pois está em plena consonância com a espiritualidade redentorista, cuja meta de santidade consiste em ser viva memória do Cristo Jesus, seja na comunidade apostólica ou na vida comunitária, pois à medida que se unem à pessoa de Cristo Redentor se torna visível o amor e a misericórdia de Deus no coração da comunidade (Const. 23). E isso é se tornar santo!

Ser discípulo de Jesus foi para Geraldo colocar-se a caminho histórico existencial e interior com Cristo e em Cristo para Deus e deixar-se modelar conforme a imagem de Jesus, a imagem perfeita do Pai. Por isso rezamos no dia de sua memória: “Ó Deus, que quisestes atrair a vós São Geraldo desde sua juventude e o fizestes conforme a imagem de vosso Filho crucificado, fazei que também nós, seguindo seus exemplos, sejamos transformados em sua imagem”. Amém!

 

Ir. Isael Rodrigues

Missionário Redentorista 

 

 

Deixe uma Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • PARABÉNS!

    0 45

    Noviço redentorista

    View more
  • PARABÉNS!

    0 9

    Prefeito de Igreja do Santuário-Basílica de Trindade (GO)

    View more
  • PARABÉNS!

    0 8

    Conselheiro Geral da CSsR - Roma-ITA

    View more
  • PARABÉNS!

    0 6
  • PARABÉNS!

    0 14

    Colaborador em Confresa/MT

    View more
  • PARABÉNS!

    0 15

    Reside no Seminário São José, em Goiânia (GO)

    View more
  • PARABÉNS!

    0 14

    Reside no Seminário São José, em Goiânia (GO)

    View more
  • PARABÉNS!

    0 11

    Diretor das Obras Sociais Redentoristas

    View more
  • PARABÉNS!

    0 8

    Pároco em Santa Bárbara de Goiás e colaborador em Trindade

    View more
  • PARABÉNS!

    0 16

    Colaborador nas Basílicas de Campinas e Trindade

    View more

Sep 2017

Não há eventos para hoje!
dom seg ter qua qui sex sab
1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30

Video Em Destaque

  • Editor: P. Rafael Vieira, CSsR
  • Colaboradores: P. Maurício Brandolize, CSsR, Ir. Diego Joaquim, CSsR, Fr. Auro Marques, CSsR e o postulante Ênede Cordeiro.
  • Área Reservada: Padre Eduardo Rezende, CSsR.
  • MANTENHA CONTATO!

    ÚLTIMAS POSTAGENS

    Nova coordenação do Compromisso Campinas
    18 Sep 20170 Comentários

    TWEETS MAIS RECENTES

    Read all tweets

    © 2015 Redentoristas Provincia de Goiás | E-mail: portal@redentorista.com.br

    Desenvolvido por WEBCERRADO Soluções Digitais